Adagas Alemãs 2ª Guerra Mundial

Atualizado: 4 de Set de 2019

Poucos países no mundo tiveram a variedade de condecorações, adagas, capacetes, uniformes e outros equipamentos como a Alemanha no período de 1935 a 1945. É por esse motivo e design que estes itens são os mais procurados em todo o mundo pelos colecionadores de militaria.


Ao contrário do que muitos imaginam, o colecionador possui o hobby por prazer e não por motivos políticos.


Um setor muito importante da militaria alemã é o setor de adagas. No período de 1930 a 1945 praticamente todas as forças militares e pára-militares tinham os seus modelos para usar com seus uniformes. O exército adotou seu modelo de adaga em 1935, que foi usado até o final da guerra, com variação apenas de material. Os de final de guerra possuíam um acabamento mais fosco e material de baixa qualidade. A adaga do exército era de uso exclusivo dos oficiais. Existiam também os modelos de lâminas gravadas e em aço damascus. Estas, porém eram entregues em ocasiões especiais. A Luftwaffe adotou o seu primeiro modelo em 1934 e possuía o mesmo desenho da espada, com bainha e punho em couro azul marinho. Elas tiveram o seu desenho inspirado nas espadas medievais. Em 1937 a Luftwaffe adotou o 2º modelo de adaga. Esta possuía a bainha em aço e punho feito de celulóide. Este modelo foi fabricado até o final da guerra, com variações na qualidade do material. As adagas da Luftwaffe eram usadas por oficiais e NCO (Oficial Não Comissionado).



Adaga da Luftwaffe 1º Modelo






Adaga da Luftwaffe 2º Modelo (Cabo de Marfim)





A marinha adotou seu modelo em 1919, um ano após o final da 1ª Guerra. Este modelo foi usado até 1939, quando houve modificação na parte superior do cabo. A coroa Imperial foi trocada pela Águia com a Suástica, com dois tipos de bainha: a martelada e outra com desenho padrão. Possuíam dois tipos de lâmina: a lisa e a gravada com motivos marinhos. Havia, também, as lâminas gravadas com bainhas de desenhos especiais, entregues a altos oficiais e não comissionados.



Adaga da Marinha modelo especial com bainha gravada



Adaga do Exército



No setor político existiam diversos tipos de adagas. A adaga da SS é uma das mais procuradas pelos colecionadores.


O modelo desta adaga foi inspirado na faca de caça de Holbein. As adagas da SS possuíam o cabo de ébano negro e a lâmina em aço com a inscrição Meine Ehre heißt Treue (minha honra chama-se lealdade).

Estas adagas começaram a ser entregues a partir de 1933, sendo que as mais antigas possuíam as bainhas oxidadas em preto e outras eram pintadas da mesma cor. Estas adagas foram usadas pelas Allgemeine SS e pelas tropas Waffen SS , autorizadas para os soldados e oficiais.

Em 1936, foram instituídas as adagas de honra da SS, por serviços prestados. Basicamente era o modelo 1933 com acabamento mais elaborado. Como suporte era usado uma corrente toda trabalhada com motivo de caveira e da SS. Este modelo é muito raro. As adagas da SA possuíam o mesmo modelo da SS e eram fabricadas com diversos tipos de madeira, mas a que mais predominava era a nogueira.



Adaga Especial - Entregue aos altos oficiais da SS


Em 1934 foram distribuídas 152.960 adagas com a dedicatória a Ernest Röhm, chefe das SA. No dia 30 de junho, quando Röhm foi assassinado por motivos políticos, o partido emitiu uma nota, tornando obrigatória a remoção do nome de Röhm de todas as lâminas. Por este motivo existem muito poucas adagas com a dedicatória completa.

A NSKK era uma organização que foi designada para ser o meio oficial de transporte do N.S.D.A.P. (Partido alemão), ela também possuía sua adaga, com formato semelhante as adagas da SA e SS



Adaga SA Sturmabteilung (usualmente traduzida como "Divisão de Assalto")



Adaga NSKK (Nationalsozialistische Kraftfahrkorps - Corpo de Transporte Automóvel Nacional Socialista)


A Cruz Vermelha também tinha seu modelo. Foi instituído em 1938, possuía o modelo para subordinado, tinha bainha na cor preta e uma cruz vermelha na guarda, juntamente com a águia e a Suástica.



Adaga da Cruz Vermelha 1º Modelo



Adaga da Cruz Vermelha com lâmina serrilhada e ponta cortada 2º Modelo



Faca Juventude Hitlerista (em alemão Hitlerjugend/Hitler Youth, abreviado HJ) com a inscrição Blut und Ehre! (Sangue e Honra!)


Existiram diversas fábricas de adagas na Alemanha. O local mais conhecido era Solingen. Nesta cidade foi fabricada a maior quantidade - cerca de 90% delas saíram de duas fábricas.


Dentro do descrito, foram fabricadas as seguintes adagas:


Militares

Heer (exército)

Luftwaffe (Força Aérea)

Kriegsmarine (Marinha de Guerra)


Paramilitares

DLV (Liga do Esporte Aéreo)

NSFK (corpo de vôo do Partido Nazista) NPEA (Liderança Política das Escolas)

RAD (Corpo de Trabalho do Estado)

RLB (Proteção Aérea) TENO (Corpo Técnico de Emergência)


Civis

Feuerwehr/Feuerschutzpolizei (Corpo de bombeiros)

Postschutz (Serviço Postal)

Polizei (polícia)

Reichsbahn (Estrada de Ferro)

Rotes Kreuz (Cruz Vermelha)

Corpo Diplomático e Alfândega

Diplomaten und Staatsbeamte (Oficiais do Corpo Diplomático)

Zolldienst (Oficiais de Alfândega)


Políticas

SS – Schutzstaffein (Tropas de Proteção)

SA – Sturmabteinlunge (Tropas de Assalto)

HJ – Hitlerjunged (Juventude Hitlerista)

NSKK – Nationalsozialistiches Krafifahrkorps (Corpo de Transporte do Partido)




Texto do Colaborador Frank Rabbit

378 visualizações

 

Contato

  • Facebook Clean
  • Branca Ícone Instagram

 

  (19) 99634-7199

Aceitamos

Show More
Show More

Aceitamos Consignação!

Show More

© BLITZKRIEG

INDOOR Ltda. - CPF/CNPJ: 12.345.678/0000-01 - Av. Bernardino de Campos, 98 São Paulo, SP 12345-678 -
info@meusite.com -  Telefone: (11) 3456-7890